Categoria:

Como investir no Tesouro Direto

Compartilhe nas redes sociais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Antes de te responder como investir no Tesouro Direto, preciso te contar o que é o Tesouro Direto e quais tipos de título existem.

O Tesouro Direto nada mais é do que um programa do Governo juntamente com a B3 (Brasil Bolsa Balção) para a venda de títulos da dívida pública a pessoas como você e eu. Por serem títulos da dívida pública, os mesmos são conhecidos como investimentos conservadores de renda fixa, pois os valores são garantidos pelo Tesouro Nacional.

Além disso, o Tesouro Direto é o local ideal para montar nossa reserva de emergência. Se você quer entender o que é a reserva de emergência e a importância de construí-la antes mesmo de começar a investir, acesse esse artigo.

Uma das grandes vantagens do Tesouro Direto é que o investimento mínimo necessário é extremamente baixo, afinal, existem títulos que podem ser comprados por cerca de  R$30,00. Porém, existe mais de um tipo de título do Tesouro Direto e entender como eles funcionam te ajudará a alcançar seus objetivos mais rápido. Conheça agora!

Quais os tipos de títulos

Neste momento, existem 3 tipos de títulos disponíveis para o investidor iniciante comprar:

Prefixados

Este tipo de investimento é ideal para quem busca segurança e quer saber exatamente quanto irá receber no dia do vencimento do título. Eles possuem a taxa de juros fixa e, com isso, crises e variações na taxa Selic não afetam seus rendimentos. Abaixo seguem duas opções disponíveis retiradas diretamente do site do Tesouro Direto.

Percebam que o rendimento ao ano está bem acima da poupança. Porém, para o investidor receber o valor integral do rendimento é necessário aguardar a data do vencimento do título.

TítuloRentabilidade AnualInvestimento mínimoPreço UnitárioVencimento
Tesouro Préfixado 20248,14%R$ 31,03R$ 775,9101/07/2024
Tesouro Prefixado 20268,68%R$ 33,24R$ 672,7501/01/2026
Tesouro Prefixado 20319,18%R$ 32,24R$ 1074,9501/01/2031
Tesouro Direto Prefixado – Março de 2021

Tesouro Selic

Esta variante de investimento é indexada à taxa Selic, sendo assim, este é um dos investimentos mais interessantes para construir sua reserva de emergência. Isso porque além de possuir liquidez diária, o mesmo acompanha a volatilidade da taxa Selic, seja para cima ou para baixo.

Em comparação com nossa poupança, esta aplicação rende 100% da taxa Selic. Como descobrimos neste artigo, este é um cenário bem mais favorável.

Neste caso, fiz algumas simulações e gostaria de compartilhar com você leitor, pois muitas vezes vemos inúmeros soltos e não entendemos exatamente qual é a rentabilidade do investimento.

TítuloRentabilidade AnualInvestimento mínimoPreço UnitárioVencimento
Tesouro Selic 2024SELIC + 0,1840%R$ 107,41R$ 10.741,8701/09/2024
Tesouro Selic 2027SELIC + 0,3278%R$ 106,02R$ 10.602,7501/03/2027
Tesouro Selic

Nessa simulação usando dados de março de 2021, eu utilizei como referência a poupança, pois é um lugar que praticamente todos possuem dinheiro. Assim, dez mil reais guardados na poupança durante 3 anos rendem um total de R$ 11.217,88.

Este mesmo valor aplicado no Tesouro Selic rende R$ 11.561,87. A diferença é pequena, porém em um prazo maior ela fica cada vez mais evidente. Atente-se que no decorrer do ano estes valores podem ser alterados e é importante verificar constantemente no site do Tesouro Direto.

Comparativo entre Tesouro Selic e Poupança
Comparativo entre Tesouro Selic e poupança

*Projeção do valor líquido de resgate (após taxas e impostos).
*As simulações são baseadas em projeções de mercado. Isso não garante resultados futuros.

Tesouro IPCA

Para finalizar, este é o terceiro tipo de título disponível e a sua rentabilidade está atrelada à inflação, que é medida pela variação do IPCA. Simplificando, este título acompanha as variações da inflação e por isso o seu dinheiro não perde poder de compra.

Além disso, é acrescida uma taxa de juros extra que, neste momento, é maior que o dobro da rentabilidade da poupança. Conforme sabemos, o Tesouro IPCA é o investimento que possui rendimentos pós-fixados e neste caso não é indicada a sua retirada antes da data do vencimento, podendo assim comprometer seriamente a sua rentabilidade. Atente-se a isso!

Veja abaixo as opções disponíveis no site do Tesouro Direto.

TítuloRentabilidade AnualInvestimento mínimoPreço UnitárioVencimento
Tesouro IPCA 2026IPCA + 3,56%R$ 57,97R$ 2898,6415/08/2026
Tesouro IPCA 2035IPCA + 4,06%R$ 39,94R$ 1997,4115/05/2035
Tesouro IPCA 2045IPCA + 4,06%R$ 40,29R$ 1343,1015/05/2045
Tesouro Direto IPCA – Março de 2021

Acompanhe agora outra simulação interessante usando os mesmos dados do caso acima, porém pensando em manter os valores por 10 anos. Neste caso, o Tesouro Direto indica o produto: TESOURO DIRETO IPCA 2035.

Importante: isso não é uma sugestão de investimento! Trata-se meramente de uma visualização retirada do site do Tesouro Direto, sendo que qualquer tipo de investimento deve ser avaliado por um especialista. Para fazer mais simulações basta clicar aqui.

Comparativo entre Tesouro Direto e Poupança
Como investir no Tesouro Direto

*Projeção do valor líquido de resgate (após taxas e impostos).
*As simulações são baseadas em projeções de mercado. Isso não garante resultados futuros.

Agora que você conheceu mais sobre as opções de Tesouro Direto, cabe a você verificar qual delas se encaixa ao seu perfil de investidor atual.

Tributação do Tesouro Direto

O Tesouro Direto, assim como outros investimentos de renda fixa, possuem cobrança de Imposto de Renda. Neste caso, a tributação ocorre de forma regressiva.  Ou seja, quanto mais tempo o dinheiro ficar aplicado menos IR se paga.

Prazo de AplicaçãoAlíquota IR
Até 180 dias22,5%
De 181 a 360 dias20%
De 361 a 720 dias17,5%
Acima de 721 dias15%
Tabela regressiva do IR

Por exemplo, imagine que um título em 1 ano se valorizou R$ 2000,00. Como 1 ano contém 365 dias ele entra na faixa de 17,5% de alíquota de IR. Sendo assim, se subtrai 17,5% do lucro que neste caso equivale a R$ 350,00. Assim, o valor da valorização menos o IR será de R$ 1650,00.

Outro tipo de tributação que o investidor precisa estar atento é o IOF. Para retiradas em menos de 30 dias após a aplicação este tipo de imposto também incide, sendo que sua tabela também é regressiva e neste caso para investimentos que ficam mais de 30 dias aplicados a sua alíquota é zerada.

A título de curiosidade, algumas porcentagens de IOF:

  • 5 dias no Tesouro Direto o IOF é de 83%
  • 15 dias no Tesouro Direto o IOF é de 50%
  • 22 dias no Tesouro Direto o IOF é de 26%
  • 30 dias no Tesouro direto o IOF é de 0%

Como vimos acima, quando pensamos em investir no Tesouro Direto, precisamos estar bem certos desta escolha, pois para retiradas imediatas a nossa rentabilidade estará comprometida.

Como investir no Tesouro Direto?

Diversas plataformas negociam títulos do Tesouro Direto. Abaixo segue uma lista com algumas instituições financeiras que negociam este tipo de ativo.

Para finalizar, apreendemos que o Tesouro Direto é uma opção interessante de investimento em renda fixa. O investidor, neste caso, precisa saber qual o tipo de título que mais se adapta às suas necessidades e ao seu momento de investidor.

Para continuar aprendendo conosco, acesse outros temas que preparamos especialmente para você:

Livros que todo investidor deveria ler
Investimentos para iniciantes, por onde começar?
Warren Buffett o maior investidor do mundo.

Compartilhe nas redes sociais. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Artigos relacionados