Categoria:

Fundos Imobiliários – O que são e como Investir

Compartilhe nas redes sociais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O nome Fundos Imobiliários faz parecer que está seja uma variação apenas dos Fundos de Investimento, certo? Porém, este é um equívoco. Afinal, os FIIs (Contração de Fundos de Investimentos Imobiliários) são bem distintos.

Fundos de Investimentos Imobiliários

Então, o que são FIIs?

Os FIIs são fundos que aportam seus valores diretamente no setor imobiliário. Neles o grande objetivo do gestor do fundo é fazer bons negócios para entregar resultado a seu cotista.

Os FIIs devem ser vistos com bons olhos pelo investidor iniciante, visto que no Brasil uma das coisas mais comuns em nossa educação financeira é a busca pela tão sonhada casa própria, certo?

Por exemplo, quando pensamos em investimentos uma das primeiras coisas que nos vem à mente é a compra de imóveis. Contudo, um dos problemas mais comuns neste caso é o alto investimento e também todos os riscos envolvidos nesta operação comercial.

Assim, os FIIs suprem esta necessidade já que o investidor pode comprar parte de um Shopping, por exemplo, ou de um Centro de Distribuição Comercial, com um pequeno investimento.

Fundos de Investimentos Imobiliários

Outro ponto muito importante dos FIIs é que eles pagam dividendo mensalmente. Sendo assim, bons FIIs são aqueles que conseguem valorizar sua cota e também distribuir mensalmente lucros através dos dividendos.

Agora que entendemos o que eles são, vamos verificar quais os tipos de FIIs que existem.

Quais os tipos de fundos imobiliários que existem?

Fundos de Renda

De antemão, já adianto que dentro dos fundos de Renda estão localizados a maior parte dos fundos imobiliários. Como já diz o título, o objetivo do fundo é viver de renda, ou seja, o gestor adquire imóveis com o objetivo de alugar e receber uma remuneração mensal por estes ativos.

Neste cenário, o fundo possui pelo menos dois tipos de rendimentos passivos. A valorização do imóvel, conforme sua vida útil, e também a rentabilidade mensal do aluguel.

Dentro deste tipo de fundo está inserido a maior parte dos fundos:

  • Shopping
  • Lajes comerciais
  • Hospitais
  • Universidades
  • Galpões logisticos e CDs (Centros de Distribuições)

Fundos de Fundos

Este é um outro tipo bem popular de fundo. Neste caso, o gestor do fundo de fundos entende que o papel de gerir, controlar e aplicar em determinada área é uma decisão um tanto quanto complexa (como fazem os fundos de renda). Por isso, ele prefere pegar o dinheiro do fundo e alocar em outros fundos que fazem a gestão final dos recursos.

Fundos de Tijolos

Os fundos de tijolos são muito parecidos com os fundos de renda, porém contam com uma grande vantagem. Aqui o fundo não tem a necessidade de investir em apenas um segmento, podendo assim diversificar sua participação em mais de um ramo. Geralmente esta decisão é bem interessante porque a diversificação pode reduzir os riscos e proteger contra oscilações.

Fundos de Papéis

Os fundos de papéis são uma outra opção que aparece entre as principais escolhas por investidores que estão iniciando. Eles possuem características muito parecidas com a da Renda Fixa, e por isso a exposição ao risco é bem menor. Assim, quem está migrando da poupança para outros tipos de investimentos pode considerar este tipo de investimento.

Fundos de Compra e Venda

Este tipo de fundo é o que envolve o maior tipo de risco, pois seu objetivo é basicamente efetuar compras de ativos por um valor satisfatório e após a compra efetuar a venda do mesmo obtendo lucro. Um ponto muito importante para este tipo de fundo é que o gestor do fundo precisa conhecer e muito o mercado que está inserido.

Um ponto negativo é que o fundo precisa apresentar os valores das negociações efetuadas. Assim, os clientes de futuras negociações podem usar isso a seu favor pois conseguiram verificar qual a margem que o fundo está buscando na negociação. Para o investidor iniciante este tipo de fundo deve ser analisado com cautela.

Fundos de Desenvolvimento

Para finalizar, este tipo de fundo é o que mais se parece com uma construtora, pois ele compra áreas para o seu desenvolvimento e posterior venda. Novamente, está entre os tipos de fundos mais arriscados já que toda negociação pode demorar, bem como o desenvolvimento da área comercial pode ser afetada positivamente ou negativamente por fatores externos. Então, esse tipo de fundo deve ser analisado com cautela.

Agora que entendemos quais os tipos de FIIs existentes, vamos analisar um pouco mais quais indicadores existem para medir se o mercado de FIIs está em crescimento ou em queda.

Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX) – O que é?

O IFIX é o indicador que auxilia os investidores a verificar o desempenho dos FIIs. O IFIX é para os fundos o que o Ibovespa é para as ações. Caso você não tenha entendido, não tem problemas, eu explico com mais detalhes abaixo.

Criado em 2012 o Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX) é um índice que envolve atualmente 87 Fundos Imobiliários. Você pode conferir a lista atualizada dos fundos clicando aqui.

O índice serve como um termômetro para o mercado de fundos imobiliários, além de apurar o desenvolvimento médio dos fundos negociados e presentes na sua composição. Então, você deve estar pensando, é possível comprar o IFIX assim como é possível comprar o BOVA11?

Isso não é possível pois este índice, diferentemente do Ibovespa, não possui ETFs (Exchange Traded Fund), ou como ficou conhecido nacionalmente o ”fundo de índice”, que é o que o BOVA11 é para o Ibovespa, por exemplo.

Ficou claro? Espero que sim!

IFix - 2021
IFIX Rendimento

Ficou interessado em investir em FIIs e não sabe por onde começar? Siga o passo a passo para isso:

Onde analisar quais os melhores FIIs?

Vou indicar 3 sites para estudar mais sobre os FIIs, dois deles gratuitos e o terceiro é uma escola de investimentos paga.

FundsExplorer

Primeiramente, conheça o site Fundsexplorer, feito exclusivamente para a análise de FIIs. Além disso, neste site existem diversos cursos sobre como investir em FIIs e outras importantes ferramentas que vão te ajudar na sua tomada de decisão.

Fundamentus

Em segundo lugar, sugiro você conhecer o site Fundamentus, que também foi feito para análise de indicadores de eficiência. Aqui o grande diferencial é que você consegue analisar visualmente diversos indicadores como:

  • Rentabilidade nos últimos anos;
  • Dividend yield médio por ano;
  • VP (Valor Patrimonial por cota (VP/Cota);
  • Qual o tipo de Fundo;
  • E um diferencial e tanto, a composição dos ativos.
Fundamentus BCFF11
Fundamentus BCFF11

Suno Research

Não poderia deixar de indicar a SUNO! Sou fã dessa empresa que conta com um time de craques. E quando se fala em FIIs faço uma sugestão extra, conheça também o Youtube do Professor Barroni.

Além de indicarem uma carteira que é atualizada constantemente, também possuem diversos artigos sobre como analisar melhor e também como investir melhor. Sem sombra de dúvidas este é um dos melhores caminhos para você evoluir.

Suno FIIs
Suno FIIs

Agora que você já sabe tudo sobre como investir em FIIs, não deixe de conhecer também nossos outros conteúdos.

Quem é Warren Buffett – O maior Investidor do Mundo
Livros que todo Investidor deveria ler
Como Investir no Tesouro Direto
Reserva de Emergência – Como montar a sua.

Compartilhe nas redes sociais. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Artigos relacionados